Seguidores

Loading...

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

SENHOR


imagem do google
Senhor amado,
Dá-me ousadia para falar de ti.
Não senti medo, nem vergonha.
Proclamar teu nome e assisti
A graça divina do amanhã,
Que tens preparado para mim.

Falar do teu amor do teu valor,
Que derrama sobre o mundo,
Amor verdadeiro e salvador,
De vida santa e profunda.

Amor de paz, amor bendito.
O homem não tem para dar.
Mas na tua infinita bênção medito,
A bondade, o consolo, que tu me trazes.

A minha vida nos Teus caminhos entrego,
Buscando tranquilidade, sagração.
O meu amor, por ti, confesso,
Tu me enches de alegria o coração.


Aos meus queridos amigos,
Ficarei por um tempo fora, por motivo de cirurgia. Sempre que puder visitarei cada um de vocês. Abração para todos.
Tunin

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

SETEMBRO

imagem do google




Setembro já despontou,
Tímido, meio frio.
O inverno não acabou,
Mas nítido é o seu brio.

Já não há folhas no chão,
Enfeiando o canto cidade.
Há no vento a harmonia da canção,
Que sopra suavidade.

Exala ar de alegria.
Tira a cinzenta frieza.
Em nós, a animação atavia,
E enche o coração de pureza.

Setembro mês festil,
Do amor ao casamento.
Começo primaveril,
Que nos traz contentamento.

Os pássaros cantam fogosos,
A flor tem o seu maior brilho.
Os casais ficam garbosos,
Como num bom estribilho.