Seguidores

Loading...

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

O homem na concepção de Mané.

Do Google.
Do google







































Homem não chora,
Assim falava Mané.
Finge que a dor suporta,
Permanece firme de pé.

Ele é homem macho,
Que demonstra o seu vigor.
Segura firme o facho,
Não se torna fragilizador.

Fala alto, pisa forte.
Sua voz é bem ouvida.
É valente não teme a morte.
Quando fala ninguém duvida.

Dono de sua verdade.
Tipo típico do fortão.
Orgulha-se de sua vaidade,
Nunca dá uma de chorão.

Se lhe vem adversidade física.
Ele não fica frágil como a pena.
Sua força não é psíquica,
Sempre é senhor de cada sena.

Eta homem poderoso!
De Mané, a convicção.
Só conceito enganoso,
Em sua percepção.

Hoje não há mais lugar,
Para esse homem jactancioso.
Se ele não se conscientizar,
Cai em ridículo penoso.

3 comentários:

Chica disse...

Que bom que isso mudou,não é?Linda poesia...abraços,chica

marcosmauricio disse...

Muito bom!!! Vc é 10! Marcos Mauricio.

Mare disse...

Não há nenhum conceito humano que seja para sempre, apesar de lentamente, a coisa vai melhorando!
Mané é que é sempre Mané.
MUito legal.Beijo,
Mare