Seguidores

Loading...

sábado, 25 de junho de 2011

EU VI O TEMPO PASSAR

imagem do google
Eu vi o tempo passar,
Passar perto de mim,
Porém eu não sabia
o quanto doía assim.
Despontam os brancos cabelos,
As ruguinhas aparecem também.
A visão fica falha,
A pele murcha, meu bem!
A estatura encolhe,
As pernas já não correspondem,
O menino de ontem não
Pode
As estrepolias,
cansam.

8 comentários:

Teresa Cristina flordecaju disse...

Hoje meu netinho de três anos me convidou para uma brincadeira e, o corpo logo cansou. O tempo passa...

Um cheiro e boa tarde.

✿ chica disse...

E como passa esse danado do tempo,Tunin! Lindo! abração,ótimo fds,chica

Su disse...

Tunin, o tempo passa mesmo tão rápido... você trouxe essa realidade em poesia lindamente vivida e de maneira suave, senti saudades dos meus pais e avós, da sabedoria deles, do amor... queria que o tempo passasse mais devagar...

Um beijo e fica com Deus. Su.

Carla Fernanda disse...

kkkkkkkkkk.... não sei se rio de lágrimas ou choro confetes...Tunin, a verdade é que temos um fim...
Beijos,
Carla

Pepi disse...

É duro ver o tempo passar, Tunin
Lindos versos
Um grande abraço de
Verena e Bichinhos

Toninhobira disse...

Tempo,tempo tempo amigo,nada pode com ele sobre nós,mas que saibamos viver cada etapa com toda dignidade e sapiencia.
Um abração.

Vivian disse...

Bom dia,Tunin!!

O tempo passa, e sente-se no corpo, mas a alma deve permanecer sempre jovem!!Linda poesia!
Abraço!
Lindo domingo pra ti!

JGCosta disse...

Sei bem do que o poeta fala, ao sentir meus membros doloridos após uma partida de voley ontem no parque da cidade. Apesar de jovem me sinto na 3ª idade!

Abraços renovados!