Seguidores

Loading...

domingo, 1 de abril de 2012

BARCO DE PAPEL


A enxurrada desce a ladeira,
Na baixada faz o remanso,
A moçada fica à beira,
Apreciando, na água, o descanso.

Nesse glorioso tempo de menino,
De dobradura fazia meu barco.
No remanso com meu jeito pequenino,
Na imaginação embarco.

A água ficava colorida,
Repleta daquelas  figurinhas,
O vento determinava a partida,
De nossos lindos barquinhos.

Horas a olhar,
O barquinho de papel.
N´água a navegar,
Aquele meu batel.


Barco de papel,
Quem não fez um?!
Era a nossa obra novel,
Que dispensava debrum

Ainda hoje o faço,
Para ativar a memória,
E na bacia do terraço,
Relembro a história.

18 comentários:

SOL da Esteva disse...

Tunin, Amigo

A Vida é feita de recordações.
trazes aqui as lembranças dos barquinhos de papel em forma de Poema de muita ternura.

Abraços

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.pt/

✿ chica disse...

Que lindo,Tunin.

Adoro os barquinhos e as lembranças que eles provocam.

Sabes que Neno tem um barquinho há anos e sempre que vamos ao mar o levamos. É de plástico, daqueles simples ,sem frescuras e no entanto, vê-lo no mar é lindo...A imaginação voa! ADOREI! abração,chica

M.Pequeno Príncipe disse...

Muito lindo, Tunin.
Me vem lembranças de crianças, quando chovia eu e meus irmãos brincávamos na enxurrada de barquinho de papel.
Cm carinho.
Pedro e Amara

GRAÇA disse...

Tunin !
Me desculpa de não ter vindo ao teu blog pensei ( mal)que estava já farto desta gatinha e da mami ( mas como a mami também tem andado com uma depressão e que está a ser difícil de passar,pois vai passar que a mami é forte..)e por isso não percebi que estavas outra vez de repouso ,espero que desta vez estejas já recuperado
Muitos beijinhos e ronrons das amiguinhas que não te esquece e ficaram muito feliz pela tua volta
Graça e Kika♥♥♥

PEPI disse...

Muito lindo este barquinho, Tunin
Tenha uma abençoada semana
Um grande abraço de
Verena e Bichinhos

Jorge disse...

Boas memórias de infância Tunin, as melhores da nossa vida. Esses barquinhos de papel davam asas á nossa imaginação e transportavam-nos até ao mundo do faz de conta.
Um abraço,
J

soninha disse...

Até eu os fiz!(rs)
A enxurrada descendo rente ao passeio na porta da nossa casa, nós corríamos ligeirinho para colocá-los sobre a água com cuidado, e ficávamos olhando até desaparecerem, e sonhando com o que poderia ter acontecido a eles...era tão bom!!
beijinhos de luz!
PAZ.

Andy Santana disse...

Meu amigo,
obrigado pelo carinho de sempre, vc é uma pessoa muito bacana, eu fiz um post de despedida que estará no ar amanhã, espero sua visita por lá.
Obrigado por tudo.

Edilene disse...

Muito sua volta e já tras uma poesia que nos remete as boas lembranças da infânci. Adorei. Beijos e boa semana!

LUCONI disse...

Meu amigo que saudades eu estava te ver teus belos escritos, olha aí este barquinho de papel, quem não viajou neste sonho, foi capitão, foi pirata, quem sabe uma princesa ou um príncipe? Ah que saudades destes tempos, estou feliz com tua volta, beijos Luconi

ELAINE disse...

Tunim! Sejas bem vindo! Estava já com saudade de teus versos! E esses barquinhos trazem tantas recordações.... Recordar é viver... Obrigada pelo carinho! Abraço carinhoso! Ótimo início de semana! Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Vivian disse...

Bom dia,Tunin!!!

Que poesia maravilhosa!!!Com sabor de infância!Mesmo sendo menina, brinquei com barquinhos de papel!!!Adorávamos!!!!rsrsr

BEM VINDO DE VOLTA MEU AMIGO!!!
Desculpe a demora,mas ando dividindo meu tempo...está uma correria por causa da faculdade,mas estou muito feliz!!!
Beijos!!Tudo de bom!

Kippy Marrie disse...

VIVA...VIVA...VIVA...VIVA....
OBA voce está de volta amigo Tunin.
Eu e mamis ficamos muuuitooooo felizes quando vimos voce no bloguinho, entrávamos sempre aqui e deixamos alguns recados e estava esperando a sua volta.

GRAÇAS AO PAPAI DO CÉU voce está de volta e recuperado.
Espero que não se ausente mais, principalmente por problemas de saúde, que não é nada bom né amigo?
É ruim ficar dodói. Mas agora é hora de falar coisas boas e te dar as BOAS VINDAS!!!! e desejar muuuiitaaa SAÚDE!!!!
Obrigada por ser nosso amiguinho.
Ótima semana de Páscoa e se cuida amigo querido.
Fica com o Papai do Céu.
Aus 1000 e Beijos 1000 das amigas...

KIPPY & LILLY

Anne Lieri disse...

Nossa,gostei tanto dessa poesia,Tunin!Vou levar para o Recanto,posso? BJS,

Carla Fernanda disse...

LIndo!
Voltei mesmo no tempo...
Beijos Tunin e boa noite!

Angela disse...

Um belíssimo poema, com cheiro de criança! Barquinhos de papel sempre fazem a alegria da garotada. Você voltou inspirado como sempre!
Abraços, com carinho,
Angela

Severa Cabral(escritora) disse...

Meu querido!!!!!!!!!!
Que viagem vc nos transportou dentro deste poema...ainda hj quando pego um papel sem função penso logo em dar vida para ele,transformo logo num barquinho,kkkkkkkkkkkk
bjsssssssssssssssssss

Elisa T. Campos disse...

Tunin
Lindo poema
Trouxe lembranças da enxurrada da calçada em frente da casa, momentos em que fazíamos esses barquinhos e nos divertíamos vendo navegar.

Um abraço.