Seguidores

Loading...

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

O MACHUCADO DE CHERIE

imagem do google
Vovó Ana gostava muito de animal. Ganhou de uma amiga um mestiço de poodle com vira-lata e deu-lhe o nome de Cherie. Não sei o porquê do nome. O lindo animal de pelo macio e brilhante era o cuidado da casa. Do menor ao maior, era o mimo.
Companheiro fiel de vovó em seus passeios pela pracinha da cidade, visitas a amigas e furtivas caminhadas pelo campo.
Vovó Ana com todo o seu jeito “adestradora” ensinou o cachorrinho como sentar, bater palmas, agradecer maneando a cabeça. Cherie aprendeu tudo direitinho.
A criançada ficava, na praça, ao redor do animal para se divertir com as peraltices do cachorro. Era um show, uma verdadeira graça!
Certo dia, numa dessas exibições, Cherie se feriu com um arame que estava numa espécie de cerca para proteger uma plantinha. O fio pontiagudo penetrou em sua pele fazendo jorrar sangue do seu dorso que coloriu todo o seu delicado pelo de cor branca.
Vovó ficou atônita! Cherie olhava para ela, choramingando, como se fosse uma criancinha sem proteção. Ela o acolheu em seus braços e a garotada, em posição de solidariedade, queria fazer algo para diminuir o sofrimento do bicho. Foi quando Paulino gritou:
- Vó Ana? Deixa eu  levar Cherie ao Dr. Miguel? Ele cuida de animais! Imediatamente toda gurizada seguiu, em procissão, até a casa do doutor. Lá o veterinário examinou Cherie e com as suas mãos bondosas fez todos os curativos necessários.
        De pronto, o animal sentiu aliviado e começou a fazer afago no colo da vovó. Foi um momento de grande alegria para todos! Vovó sentiu-se recompensada por não mais ver o sofrimento do seu mimado cachorrinho. Agradeceu a Paulinho a atitude cuidadosa dele, ao levar seu bichinho para o doutor cuidar. Bela ação de Paulinho!
        No domingo seguinte, lá, na praça, estava vovó, a meninada e Cherie aprontando das suas para despertar a curiosidade de todos quantos estavam naquele lugar.
        Vovó ficou atenta para não  deixar Cherie perto de algum objeto cortante e, assim, evitar  sustos desagradáveis. E a história continuou...
       

15 comentários:

Anne Lieri disse...

Tunin,que graça de história!Uma lição de vida, de amor e cuidado aos animais!Linda Cherie!Bjs,

✿ chica disse...

Que linda história, Tunin! Cuidado e carinho com os nossos amiguinhos animais é preciso.Adorei! abração,chica

Vinicius.C disse...

Rs rapaz!!

Adoro coisas assim- e você manteve digamos que o gingado da história, adorei meu amigo!

Deixo o meu abraço e desejo a vc um ótimo fim de tarde!

Estou esperando por vc no Alms!

Pepi disse...

Amei a histórinha da Cherie
Que bom que o Bichinho se recuperou logo
Um grande abraço de
Verena e Bichinhos

Toninhobira disse...

Bela historia de amor e carinho ao animal,como deve ser sempre amigo.
Um abração.

Carla Fernanda disse...

Maisd este Cherie não é chique só de nome não hein amigo!!! Tantos carinhos e cuidados. Uma alegria só.
Beijos e boa noite embalada em uma linda história feliz.
Beijos para todos que merecem por serem tão cuidadosos e amorosos.
Carla

Cantinho do Neno disse...

Bela historia!!!
Que bom que Cherie ficou bom de novo e pode fazer as suas exibições!!!
Adorei!!!
Bjs do Neno

Vivian disse...

Bom dia,Tunin!!

Que bela história, ainda bem que ficou tudo bem!!
Não deviam por arame farpado em torno dos plantas nos parques!!
Beijos!!

Anne Lieri disse...

Passando para visitar a Cherie e agradecer sua gentil visita!Bjs,

Anne Lieri disse...

Passando para visitar a Cherie e agradecer sua gentil visita!Bjs,

Carla Fernanda disse...

Amigo obrigada!
Bom ver a carinha sapeca do Cherie de novo.
Boa noite!
Carla

Vivian disse...

Olá,Tunin!!

Tenha uma bela sexta!!
Beijos!

Daniele Barizon disse...

Como não amar nossos lindos bichinhos?? Bom que essa história terminou bem, rsrsrss!!!

Bjs!

Rosa Carioca disse...

História ternurenta e com um final feliz!

Sônia Silvino disse...

Oi, queriiiido!
Amei a história. Sabes que sou apaixonada pelos animais. Em especial, pelos cães!
Estou te levando para a Confraria da Soninha, ok?
Beijos, muuuuitos, meu amigo do coração!